Terça-feira, 19 de Maio de 2009

Wolfram Alpha - o motor que responde às nossas perguntas

www.wolframalpha.com

Há quem diga que se trata do futuro da pesquisa online: oferecer informação factual, extraída do manacial de páginas da Web e apresentada de forma simples. O inovador motor de busca está em funcionamento e já provou a sua eficácia, tendo recebido elogios generalizados durante as primeiras 24 horas de funcionamento.

 

O Wolfram Alpha difere do Google e dos restantes motores de busca porque responde a perguntas concretas, em vez de elencar as páginas de Internet onde os utilizadores podem ir buscar informação relacionada com as palavras de pesquisa.

 

O PÚBLICO testou o Wolfram Alpha inserindo uma pergunta simples: “How old is Manoel de Oliveira?”. A resposta não se fez esperar: “100 years 5 months 7 days”. Testámos a mesma pergunta em português, mas não obtivemos resultados.

 

Depois de feita uma pergunta, o sistema processa as respostas recolhendo dados de várias páginas e bases que contenham unicamente informação relevante para essa pergunta em concreto.

 

Compreender o conteúdo das páginas (em vez de procurar apenas palavras-chave) e das perguntas do utilizador é apontado por muitos analistas como o futuro da pesquisa na Internet e tanto a Google como o Yahoo têm cientistas a trabalhar nesta área.

 

Este projecto, que há muito vinha a gerar algum “hype” na blogosfera especializada, foi oficialmente apresentado a 30 de Abril na Universidade de Harvard (EUA).

 

O projecto – da autoria do físico Stephen Wolfram, com base num sistema de algoritmos matemáticos – pode ser descrito como uma intersecção entre análise de conteúdos e as buscas genéricas na net. Aquilo que o Wolfram Alpha faz é dar uma resposta, em vez de remeter para potenciais respostas. “Tenta dar-nos informação útil com base naquilo que consegue processar”, disse Wolfram. “O objectivo é dar a toda a gente acesso a explicações ao nível de um perito”.

 

É possível que, futuramente, o Wolfram Alpha venha a competir com o Google ou com serviços como a Wikipedia.

 

O projecto foi mesmo apelidado por alguns de “assassino do Google”, mas Stephen Wolfram desdramatizou a possibilidade, afirmando apenas que a sua ferramenta irá permitir que as pessoas retirem mais informação da web. Os testes finais do Stephen Wolfram decorreram este fim-de-semana, antes do lançamento oficial.
 

via: publico.pt

publicado por José Coelho às 20:43
link do post | comente este post | favorito

pesquise no blog

 

mais posts aqui

TEMAS

video do dia

youtube

videos

coisa criativa

música

cinema

brasil

facebook

pérolas do youtube

natureza

coisa bizarra

portugal

mulher

wallpapers

criatividade

internet

animais

google

redes sociais

humor

fotografia

curiosidades

download grátis

download

mundo animal

celebridades

jogos online

arte

trilhas sonoras de filmes

youtube filmes

fotografias

imagens

turismo

saúde

tecnologia

vimeo

hoje descobri

microsoft

china

futebol

filmes

natal

jogos

dicas

twitter

videoclipes musicais

videos engraçados

visita virtual

estados unidos

serviços online

cães

mapas

carros

infografias

lugares do mundo

moda feminina

japão

videos de animais

videos divertidos

astronomia

ferramentas online

gifs animados

curiosidade

design

mulheres

baixar grátis

flores

vida

games online

gatos

imagens de fundo

motores de busca

serviços web

automóveis

índia

arte digital

fotos

google maps

hilário

amor

como fazer

cristiano ronaldo

mp3

trailers

videos musicais

videos virais

animais selvagens

arte criativa

crianças

londres

photoshop

reflexão

rio de janeiro

sites úteis

videos explicativos

ciência

cores

europa

lisboa

livros

todas as tags