Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

INTERNET PARA TODOS

dicas úteis, downloads, jogos, fotos, curiosidades, música, videos...todo o conhecimento é para ser partilhado!

“EUCALYPTUS DEGLUPTA”… OBRA DE ARTE DA NATUREZA.

13.01.13 | Mari Ortiz

À primeira vista, pode parecer que a árvore tenha sido alvo de alguns grafiteiros. Nada está mais longe da realidade, porque a cor variada, que vê em seu tronco, é totalmente natural. Esta curiosa árvore pertence à espécie "Eucalyptus deglupta" e a coloração vistosa do seu tronco fez com que ganhasse o apelido de "eucalipto arco-iris".

O eucalipto arco-íris é o único representante do gênero dos eucaliptos que ocorre naturalmente no hemisfério norte, nas Ilhas da Nova Bretanha, Nova Guiné, Ceram, Celebes e Mindanau. No seu habitat pode atingir 75 metros de altura, com 240 centímetros de diâmetro de tronco, mas em cultivo geralmente permanece entre 20 a 30 metros de altura.

O segredo por trás do colorido especial desta árvore está na forma como ela vai se descascando e revelando as partes coloridas. Na verdade, o nome da espécie (deglupta) deriva de uma palavra latina que descreve o processo de muda em função da separação da casca. Inicialmente a casca fina, lisa e marrom, se despreende e uma cor verde clara e vibrante aparece. Esta mancha de cor torna-se então sucessivamente verde escura, azulada, púrpura, laranja e por fim vermelha. Acontece que o processo ocorre a todo momento, formando manchas coloridas em diferentes estágios. A impressão que se tem é de que a árvore foi misteriosamente pintada, tornando-se uma verdadeira obra de arte da natureza.

No paisagismo, o eucalipto arco-íris é uma excelente escolha para formar alamedas em largos caminhos. Como seu belo tronco é apreciado de perto, não é muito interessante plantá-la em locais distantes dos locais de passagem. Calcule a beleza de uma floresta com esses eucaliptos… seria mesmo uma floresta encantada.

Ainda assim, há que se ter em mente a preocupação com o espaço requerido pela planta e sua proporção com relação a construções próximas. O ideal é utilizá-la em amplos jardins, assim como em praças e parques, distante de tubulações enterradas, muros, casas e fiações. Seu crescimento é rápido e não exige muitos cuidados depois de bem estabelecida. Nas Filipinas é uma das principais árvores destinadas à produção de celulose para papel. Ao contrário de outras espécies de Eucalyptus, o eucalipto arco-íris não produz óleos aromáticos. Por ser uma espécie rústica e pioneira ela é utilizada com sucesso em áreas de reflorestamento com solos pobres, arenosos ou de recente atividade vulcânica.

Deve ser cultivado sob meia-sombra ou sol pleno, em diversos tipos de solos, preferencialmente drenáveis, profundos, enriquecidos com matéria orgânica e irrigados regularmente por pelo menos dois anos após o plantio. Suas raízes profundas, o tornam resistente à curtos períodos de estiagem. Tolera geadas leves, mas perece sob o frio intenso. Por este motivo, não é indicado para climas temperados ou mais frios. Adapta-se bem no Brasil, pois aprecia o calor e a umidade tropicais, sendo tolerante à salinidade de regiões litorâneas. Não é adequado às regiões semi-áridas e é muito sensível ao fogo, ao contrário de outros eucaliptos. Multiplica-se facilmente por sementes ou estacas. As sementes germinam entre 4 a 20 dias após a semeadura. As estacas devem ser removidas dos ramos de plantas jovens, com menos de 2 anos. As mudas podem ir para o local definitivo com cerca de 4 meses.

Confira nessas imagens, a árvore mais colorida do mundo…

Fonte: http://www.jardineiro.net

Seja cordial e educado. Comentários ofensivos ou pouco dignos serão imediatamente apagados.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.